"Há um momento em que é preciso abandonar as roupas usadas que já têm a forma do nosso corpo e esquecer os caminhos antigos que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia - e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos." (PESSOA, Fernando)

"Procuro despir-me do que aprendi. Procuro esquecer do modo de lembrar que me ensinaram. E raspar a tinta com que me pintaram os sentidos. Desencaixotar as minhas emoções verdadeiras. Desembrulhar-me e ser eu." (PESSOA, Fernando)

16 de jan de 2012

Volte...


Em flor se transforma o frágil botão
como borboleta pode a lagarta voar depois da transformação
O diamante brilha após a lapidação

Exale teu aroma, 
Voe
Brilhe!
Depois volte aqui, e mostra-me a caminho...

Imagem capturada em janeiro/2011 no estado do Paraná

7 comentários:

Marinha disse...

Um lindo chamado de amor!
Uma semana de sorrisos pra ti, querida!
:)

José disse...

Olá Mari!
Obrigada pela visita, com todo esso brilho, cheguei até aqui sem me perder no caminho.

Beijinho,
José.

Poliana Fonteles disse...

Adorei teu blog flor... esse aroma de saudades fica na gente...

abraço com carinho!

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Transformações da natureza que nos servem de exemplos, não é? Lindo,Mari. Beijos.

She disse...

Lindo!
Bjbj
She

Mari disse...

Marinha viver é lindo!
Jose que teus caminhos estajam sempre ilumidados!
Poliana, seja bem vida e deguste dos aromas da vida...
Carlos... a vida é um eterno aprendizado basta prestar-mos atençao ao nosso entorno... e tbem dentro de nós.
Sheila... linda, linda!

Mari disse...

Marinha viver é lindo!
Jose que teus caminhos estajam sempre ilumidados!
Poliana, seja bem vida e deguste dos aromas da vida...
Carlos... a vida é um eterno aprendizado basta prestar-mos atençao ao nosso entorno... e tbem dentro de nós.
Sheila... linda, linda!