"Há um momento em que é preciso abandonar as roupas usadas que já têm a forma do nosso corpo e esquecer os caminhos antigos que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia - e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos." (PESSOA, Fernando)

"Procuro despir-me do que aprendi. Procuro esquecer do modo de lembrar que me ensinaram. E raspar a tinta com que me pintaram os sentidos. Desencaixotar as minhas emoções verdadeiras. Desembrulhar-me e ser eu." (PESSOA, Fernando)

17 de abr de 2013

Cristalizar



Tantas vezes feito criança,
brinquei descontraidamente em minha vida!
Tantas vezes sonhei,
cantei, dancei, ri e chorei.
Conheci os ponteiros do relógio,
e fizemos parceria
Deu-me minutos sagrados no meu dia a dia
E eu lhe presenteei
com horas de devoção a criação divina!
Em fragmentos tantas vezes me fiz
Em fragmentos me fazem agora.
Hoje a vida brinca conosco
E fazem dos ponteiros seus serviçais
Ontem, hoje, amanhã...
O tempo é um mês
Expectativa entre sonhos e medos
Fantasias e pesadelos
Conto os segundos intermináveis
A espera da resposta de um mês.
Enquanto isto vou colorir,
brincar, cantar, dançar, rir e chorar.
Tudo o que couber em UM MÊS.
(MariAne)

12 de abr de 2013

Esvai-se pelos dedos

"As palavras voam como o pensamento jamais ousou tentar...
Os sentimentos fluem entre calmarias e vendavais...
A razão recolhida e guardada
Guardada a sete chaves
Para não mais incomodar
Apenas sentir e falar
Sentir desejar
O tempo nos é escasso
Como água não consigo retê-lo
Esvai-se pelos dedos
Teimoso
Dizendo-me que logo não estarei mais aqui
Nem tu ali"

(MariAne)



contaDOR

Conta, 
conta, 
conta, 
contaDOR
(Mari Ane)

Impossível

"Há dias
que estou assim...
impossível
de mim..."
(MariAne)




Distanciamento

... Tão perto, mas tão distante...
Sinto, mas não posso tocar
Leio, mas não posso ouvir
Quero, mas não posso ter...
Espero no anseio do porvir...
tão distantemente perto...
por vezes parecendo abismo sem fim...

(MariAne)


SOU



"Sei
que
nada
sou...
mas,
se
Sou
deixa-me
SER"
(MariAne)


FEBRE

"A febre 
que fere...
infere
refere
"mi" fere"
(MariAne) 

 

REMEDIO


REMEDIO
MEU
VENENO
REPUDIO
MEU 
DESEJO 
 

Folga

"Programou o relógio com folga no horário
Separou uma roupa condizente ao momento
Revisou cada palavra em sua mente
Contou a pulsação numa inútil busca de controlá-la
Repetiu o ritual diversas vezes
Sabia que não seria como da primeira vez
Águas rolaram em faces por dois invernos
Relógio, roupa, palavras, pulsação
Medo e desejo
É bem provável que nem apareça
Não passa de uma esperança trancada
Pulsação, palavras, roupa, relógio
Desnuda do tempo
Assopra o vento
Anseia o momento"

(MariAne) 
 

Estrala

"Estrala o gelo,
silêncio quente"
(MariAne)



Salga

Minha 
face 
salga 
pela 
impossibilidade 
de 
te 
ver

(MariAne)
 

Grito humano

E quando é que há razão 
em grito humano?

InVento-ME

"Invejo o vento
que vejo
em teu peito
roçando os dedos
escolho o beijo
ventoso
Entre olhos curiosos
sou tua ventania
Invento-me"
MariAne


10 de abr de 2013

Desconhecido

"Há trilhas que nem os lobos conhecem"
(MariAne) 
 

Anjos



Há anjos e fadas ... e feras ...
feridas dentro de uma só...
(MariAne)


Agito do mar

Eu acredito que
o mar torna-se mais puro,
após tomado pela tempestade...
Creio que o agito de suas águas,
faz subir o que
de mais oculto lhe estava guardado,
para somente depois a SEU TEMPO,
possa na calmaria
apreciar os tesouros expostos.
MariAne




Ser flores...

Ser flores não sei... Justiça do mundo
faz o corpo da mulher
ser frágil pra a luta,
e lhe trapaceia como serpente
exigindo-o gota a gota
seu sangue mensalmente. Guerreira donzela,
que belo galanteio! Impondo-se em altos saltos,
faz gracejo do próprio medo...
mas, por dentro,
sabe-se ser criança assustada... Dizem-lhe
ser esculpida para o desejo
e carrega fardo peso
em toda delicada sorte..." (fragmentos de uma MariAne)


Perguntas erradas

"Não há respostas preparadas
para perguntas certas!
Então,
fazemos perguntas erradas,
para obtermos certas respostas..."
(MariAne)



Balanço da amizade




Que tua noite seja a paz,
sossego e ternura Que teu sonho seja revigorante Que teus sonhos auspiciosos Que teu acordar seja desafiador Que tua vida seja repleta Abraços fraternos aos amigos queridos
(MariAne)