"Há um momento em que é preciso abandonar as roupas usadas que já têm a forma do nosso corpo e esquecer os caminhos antigos que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia - e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos." (PESSOA, Fernando)

"Procuro despir-me do que aprendi. Procuro esquecer do modo de lembrar que me ensinaram. E raspar a tinta com que me pintaram os sentidos. Desencaixotar as minhas emoções verdadeiras. Desembrulhar-me e ser eu." (PESSOA, Fernando)

5 de fev de 2012

Hortencia-coração


Neste final de semana 
o amor atravessou em meu caminho 
em forma de flor
Almejo perpetuá-lo 
como semente 
espalhando pela vida...

5 comentários:

Erico disse...

Mari

Um verdadeiro encanto!

Penso que a flor é a mais pura manifestação de carinho e ternura em formas delicadas e coloridas que vivem a espalhar amor entre as pessoas.
Que o amor continue atravessando seus caminhos!

Abraços poéticos :)

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Espalhe-o e o receberá de volta em flores lindas e perfumadas. beijos, Mari

She disse...

Ai, ai o amor!
Eu acredito nele sempre!
Beijo, beijo Lindona!
She

Maximiano Bezerra disse...

Oi Mari,

Obrigadão por seguir meu blog. Gostei de ter conhecido os teus blogs são estilos muito diferentes. Parabéns pela dedicação à escrita. Acredito que temos muito em comum,
Abraços,
Max

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Oi, Mari. Vim aqui só pra dizer. Consegui recuperar hotmail, blog e arquivos. Obrigado por se preocupar. beijos, menina.