"Há um momento em que é preciso abandonar as roupas usadas que já têm a forma do nosso corpo e esquecer os caminhos antigos que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia - e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos." (PESSOA, Fernando)

"Procuro despir-me do que aprendi. Procuro esquecer do modo de lembrar que me ensinaram. E raspar a tinta com que me pintaram os sentidos. Desencaixotar as minhas emoções verdadeiras. Desembrulhar-me e ser eu." (PESSOA, Fernando)

9 de mar de 2012

Tempo de mudança!

Passos inicias ainda incertos
por caminhos nebulosos
desafios adiante
e tantos atalhos oferecendo fuga camuflada
Vamos em frente,
obstaculos crescem
Resistimos
Choramos outros momentos rimos... 
e choramos
Sentimos o despir de todas as armaduras
e nus nos revestimos
Um desconstruir para alicerçar a base do novo ser
Inicia a experimentação das diversas emoções
a cumplicidade se faz presente
numa comemoração conjunta de cada vitória
As conquistas não são mais solitárias...  são solidárias!
Constantes partilhas
os saberes crescem e numa soma se compartilham
e o conjunto torna-se um corpo.
Cinco anos de maravilhosos em minha vida!
Momento de TRANSFORMAÇÃO!
 
Aos amigos de uma caminhada de cinco anos
De muitos risos e choros
amigos muito mais do que "simples amigos", mas com um significado TODO especial
Aos amigos de uma conquista
de sonhos partilhados
A vocês, meu carinho todo especial
e que esta não seja uma despedida, mas o início de uma nova jornada
Tomamos rumos diferentes, mas a essência permanece!
Saudades e sucesso a todos!

Nenhum comentário: