"Há um momento em que é preciso abandonar as roupas usadas que já têm a forma do nosso corpo e esquecer os caminhos antigos que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia - e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos." (PESSOA, Fernando)

"Procuro despir-me do que aprendi. Procuro esquecer do modo de lembrar que me ensinaram. E raspar a tinta com que me pintaram os sentidos. Desencaixotar as minhas emoções verdadeiras. Desembrulhar-me e ser eu." (PESSOA, Fernando)

18 de jan de 2011

de CORação


A tempestade passou,
Dava anúncios de que chegaria

Só não sabia em quem e quando
Fez estragos
Destelhou a casa
Deu vida as memórias já enterradas 

Hoje não quero falar da dor
Agarro o arco-íris
Sigo com os duendes em busca do pote dourado do amor

Preciso de COR
CORdialidade entre as pessoas
aCORdar para as coisas simples
Preencher meu CORação com carinho
CORrer com as crianças
CORrigir meus erros sabiamente
Desatar toda CORrente que prende ao passado
Cuidar do meu CORpo, minha alma, minha mente
Recitar a poesia que sei de COR
DeCORar meu quarto, minha vida
Muitas CORES quero hoje 


Quero pintar o mundo do colorido mais belo
Que os olhos anseiam por ver
E se a tinta acabar, não vou desistir
Procuro em todo lugar
COR pra tingir
Mesmo que tenha que fazer tudo sozinha
Decidi, volto a  pintar, colorir...
(MariAne 18.01.2011)

8 comentários:

Helcio Maia disse...

Palavras coloridas de sentimentos tão puros, coração que quer ação, que quer cor, que quer amor. Bom dia!!

IT disse...

ArCOR iris

de uma princesa que sabe colori a vida, aCORdar para as coisas simples e preencher o CORação de esperança e de amor.

Me delicio e deleito em suas CORES menina linda!

Beijos meus ♥

Wanderley Elian Lima disse...

Olá MariAne
Se não deixarmos as nuvens carregas , tomarem conta de nossa vida, certamente não haverá uma tempestade destruidora.
Bjux

MariAne disse...

Helcio,
batalho pela vida

E mesmo que uma tempestade me derrube, hei de levantar mais uma vez.
Não deixarei mais minha vida sem cor.
Obrigada por tua visita e pelas palavras que deixas aqui, hoje me são acalentadoras.

MariAne disse...

Querida Irlene, menina de coração melodioso.

Vem, passa a tarde aqui, faremos uma grande tela abstrata com as cores puras que tiramos da natureza.
Tua visita é muito especial.

MariAne disse...

Wanderley,
tens razão... em parte.
Esta tempestade veio de fora, e eu estava sem guarda-chuva...

Cantinho She disse...

Gostei muito, sabia?! Intenso, bem intenso...
Beijo, beijo minha Linda! ;)
She

MariAne disse...

Sheila,
a vida é intensa...